Decorrem entre 6 e 20 de Agosto as candidaturas para a primeira fase do concurso nacional de acesso ao ensino superior para emigrantes e lusodescendentes.

O programa “Estudar e Investigar em Portugal” estabelece um “Contingente especial para candidatos emigrantes portugueses, familiares que com eles residam e lusodescendentes”, reservando 7% da totalidade das vagas fixadas para a 1ª fase do Concurso Nacional para os candidatos provenientes das comunidades da diáspora portuguesa.

O “Estudar e Investigar em Portugal”, uma iniciativa do Governo português, envolve a Direcção-Geral do Ensino Superior (DGES), o Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, a Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT), a Agência Nacional Erasmus e as instituições portuguesas de Ensino Superior.

Mais informações no folheto criado pela Direcção-Geral do Ensino Superior (DGES), que pode ser consultado aqui: https://www.dges.gov.pt/pt/pagina/contingente-especial-para-candidatos-emigrantes-portugueses-e-familiares-que-com-eles-residam

sfdat

  • Partilhe